DIVERGÊNCIA PGDAS-D x CARTÃO CRÉDITO

Tempo de leitura: 1 minuto

Você sabia que o Simples Nacional está sofrendo fiscalização eletrônica?

A Receita Federal tem como identificar divergências entre o o total de receita bruta informada no Programa Gerador do Documento de Arrecadação do Simples Nacional – Declaratório (PGDAS-D) através dos valores das notas fiscais eletrônicas (NFe) de vendas emitidas como o total dos valores recebidos em cartão de crédito.

Operação

Notificação via DEC

As Notificações para regularização das divergências estão sendo postadas no DEC – Domicílio Eletrônico do Contribuinte.

Prazo para autorregularizar

O prazo para regularizar as divergências vence em 60 dias, contados da notificação.

O contribuinte que deixar de regularizar no prazo fixado no Comunicado poderá perder a condição de Simples.

Nesta fase, enquanto não receber o auto de infração, o contribuinte ainda pode retificar suas declarações e pagar os valores devidos sem a aplicação da multa de ofício.

A empresa que deixar de regularizar as divergências apontadas pelo fisco do prazo, poderá ser autuada e ainda ser excluída do Simples Nacional.

Divergência PGDAS-D x NFS-e

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *